FALE CONOSCO: (67) 3409 1234

Copasul - Cooperativa Agrícola Sul MatoGrossense
Download NFe/XML Webmail

img_5469

Rei da Cebolinha no Japão realizou Palestra na Copasul

16, Mar de 2019
Voltar

  O auditório da Copasul ficou lotado de pessoas interessadas em ouvir as experiências do Sr. Valter Toshio Saito, o "Rei da Cebolinha no Japão". Ele saiu do Brasil na década de 1990, e apostou em novos negócios no Japão. Foi operário, teve uma empresa de Recursos Humanos, mas foi na agricultura, mais precisamente com a produção de cebolinha, que alcançou seu maior sucesso. Além de uma trajetória cheia de muito trabalho e grandes ensinamentos, ele deixou dicas muito importantes para quem deseja empreender.

  "Fui para o Japão na década de 1990, quando tinha acabado de me casar e formar em Educação Física. Trabalhei como operário e fazendo um trabalho voluntário para colegas brasileiros no Japão, sendo intérprete em entrevistas de emprego, e isso acabou dando Know-how para montar uma empresa de Recursos Humanos. Mas veio a bolha americana e entramos em crise. Ao mesmo tempo estava diminuindo o número de agricultores no Japão, pois lá é um processo muito burocrático para entrar na atividade, que é herdada de pai para filho. Mesmo não tendo nenhuma relação com a agricultura, vi ali uma chance de empreender e consegui autorização para isso. Plantei vários itens, como espinafre, repolho, berinjela, mas a maior rentabilidade veio com a cebolinha, e nos especializamos nisso. Hoje por dia são produzidas cerca de 08 toneladas brutas. E o que eu diria é para quem tem esse desejo de empreender é: queira ser o número 01, ser o melhor naquilo que você faz. Ser considerado o Rei da Cebolinha é um orgulho pra mim, nos empenhamos muito para isso. Mas mantenha sempre a honestidade, construa sua credibilidade, e seja determinado no que faz, persista, vá até o final! Nós fizemos o ciclo inteiro de todos os produtos que testamos, não paramos o negócio na metade. Muitas as vezes as pessoas não irão apostar em você, mas acredite em si mesmo", comentou Valter que também visitou a Unidade Fiação e Fecularia e pode conhecer um pouco mais sobre a cultura da Copasul.

Produtos de mandioca

  Além de cebolinha, o Sr. Valter cultiva mandioca no Japão e como forma de apresentar produtos alimentícios que levam a fécula ou a mandioca como base aqui no Brasil, o coffee do evento teve diversos pratos preparados com a matéria prima Fecularia Copasul. O resultado, foi uma mesa linda e pratos deliciosos. Produzidos pela Cheff Isa Rottini