FALE CONOSCO: (67) 3409 1234

Copasul - Cooperativa Agrícola Sul MatoGrossense
Download NFe/XML Webmail

aprendiz

Oportunidade e Capacitação para jovens

28, Mar de 2018
Voltar

Confira mais uma das matérias que estão na Revista Copasul. Acesse online aqui

Em dez anos, mais de 120 jovens passaram pelo Programa de Aprendizagem da Cooperativa, que em 2018 passa por renovações

  A falta de oportunidade tem sido uma das principais queixas dos jovens brasileiros. De acordo com dados do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea), entre os jovens de 14 a 24 anos, o valor médio das taxas de desemprego trimestrais no Brasil subiu de 20%, em 2015, para 27,2%, em 2016. Na contramão disso, em Naviraí-MS, a Copasul tem se tornado a porta de entrada para a primeira experiência profissional. Foi dessa forma que, desde 2008, já passaram pela Cooperativa, através de Programas de Aprendizagem, mais de 120 jovens que, muitas vezes, acabam sendo efetivados. É o caso de Vanessa Silva Rocha, que foi aprendiz em 2009, quando tinha 16 anos. Hoje, ela é Engenheira Agrícola e colaboradora da Cooperativa. “Minha história na Copasul começou graças à minha mãe Rosilene, que sempre foi uma mulher de visão. Na época, fomos ao SENAI e ficamos sabendo do Programa Jovem Aprendiz, e nos informaram quais eram as empresas parceiras no programa. Foi quando minha mãe disse: ‘Eu só deixo você participar desse programa se for através da Copasul, pois essa é uma empresa que eu admiro e confio’. Passei na prova e ficava um período na Copasul e um período no SENAI, durante um ano.

  No processo de aprendizagem, conheci grandes profissionais, pelos quais tenho admiração, pois tiveram a paciência e o profissionalismo para me ensinar. Após o período de um ano, fui efetivada e transferida para sede para assumir novos desafios. Porém, eu conhecia a potência da empresa e sentia que precisava me qualificar mais para contribuir como desenvolvimento da Copasul.

  Em 2010, saí para fazer o curso de Engenharia Agrícola na Universidade Estadual de Maringá (UEM) e, após conclusão do curso, novamente fui recebida pela Copasul, na Unidade de Irrigação. O programa de aprendizagem foi a chave para que eu pudesse abrir a porta do meu futuro profissional. Hoje, como funcionária, é gratificante quando recebo os jovens que estão entrando no Programa, pois é a oportunidade de contribuir com desenvolvimento de cada um deles, como fizeram comigo”, contou Vanessa. Este não é um caso isolado. O colaborador da Fiação, Vitor Gabriel da Silva Costa, de 16 anos, saiu do Programa direto para o primeiro emprego, e atualmente auxilia na parte administrativa da Fiação. “Após seis meses no Programa, recebi a proposta da efetivação. Foi algo maravilhoso! Claro que exigiu mais responsabilidade e compromisso, mas é um aprendizado muito grande. Eu aconselho que o aprendiz mantenha o compromisso, a responsabilidade e seja proativo, porque as oportunidades aparecem”, disse o jovem.

  Tanto a história da Vanessa quanto a de Vitor, tiveram pontos de apoio semelhantes: os pais. “Não imaginava que isso aconteceria, que ele teria essa oportunidade tão rápido. Esse é um projeto maravilhoso oferecido pela Copasul. Aconselho que os pais busquem programas como esse, porque valem a pena. Estou muito feliz mesmo!”, disse Tereza da Silva, mãe do Vitor. Através do Programa, os jovens passam por diversos setores, proporcionando a experiência do primeiro emprego de uma forma ampla e sistêmica, fazendo com que eles possam conhecer todos os processos e setores de uma Cooperativa, como o administrativo, operacional e industrial. Só em 2017, foram concluídas duas turmas de aprendizagem, com cerca de 20 jovens.

  “Está sendo uma experiência incrível. O que aprendemos com o conceito de Cooperativismo, conseguimos levar para nossa vida, para casa e para a escola. Você vivencia uma forma diferente de pensamento. A parte teórica também está agregando muito. Percebo que os colaboradores também têm essa preocupação conosco, em nos auxiliar a aprender”, disse a jovem Djessica Onaly, de 17 anos, que Vitor foi efetivado e hoje atua na Fiação Copasul ue atualmente é aprendiz do Programa.

NOVA TURMA E NOVO PROGRAMA

  Atualmente, 17 jovens integram uma nova turma do Programa Aprendiz Cooperativo, desenvolvido em parceria com o Sescoop/MS (Serviço Nacional de Aprendizagem do Cooperativismo), vinculado ao Sistema OCB/MS, e que está com a primeira turma em Naviraí. Para a Copasul, o objetivo é proporcionar uma experiência marcante e enriquecedora. “Com relação aos jovens que já passaram pelo programa, temos inúmeros casos de efetivação logo após o término do programa, mas também temos casos em que o Jovem Aprendiz retornou à Copasul, por meio do processo de recrutamento e seleção nas diversas unidades, indicando que a experiência no Programa Jovem Aprendiz criou uma identificação do jovem com a Cooperativa, seja por meio dos valores em comum ou pelas oportunidades de carreira e crescimento que ele visualizou durante o período que esteve conosco.

  Nossas ações durante o programa visam desenvolver jovens com visão sistêmica, voltados para o trabalho em equipe, através de valores e competências e com espírito de liderança e isso, muito mais do que benefícios para a Copasul, fortalece a nossa comunidade. Temos uma grande expectativa de acompanhar o desenvolvimento desses jovens depois do Programa, para verificar o impacto que causou em suas vidas e estamos torcendo para que se tornem cidadãos bem sucedidos e líderes de seu destino”, disse Adroaldo Taguti, Gerente da Divisão Industrial e de Novos Negócios da Copasul.