FALE CONOSCO: (67) 3409 1234

Copasul - Cooperativa Agrícola Sul MatoGrossense
Download NFe/XML

maxwell_haywood

Diretor da ONU afirma que cooperativas têm muito a contribuir para a erradicação da pobreza

05, Mai de 2017
Voltar

“As cooperativas não só podem levar a humanidade para um lugar melhor como já estão fazendo isso.” A frase foi dita pelo diretor social da Organização das Nações Unidas (ONU), Maxwell Haywood, na semana passada, durante sua estadia no Brasil, a convite do Sistema OCB.

Ele foi convidado a participar de uma série de eventos promovidos pelas organizações estaduais e cooperativas, objetivando o lançamento do maior programa de responsabilidade socioambiental do cooperativismo brasileiro: o Dia de Cooperar. 

 

Ele fez questão de ressaltar que os valores e princípios do cooperativismo são a razão pela qual a ONU escolheu as cooperativas como aliadas na luta contra a erradicação da pobreza. Falou, ainda, sobre os Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS) e da contribuição do movimento cooperativista para o alcance das metas da Agenda 2030, definida pelas Nações Unidas. Confira!

 

Qual a importância dos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável estabelecidos pela ONU?

 

 

 

Maxwell Haywood – Acredito que a coisa mais importante a dizer sobre os ODS é seu foco de não deixar ninguém para trás, ou seja, é o fato de eles pretenderem a inclusão de todos e isso está plenamente estabelecido nos documentos da ONU. Vale destacar que as pessoas em vulnerabilidade social, aquelas que vivem na pobreza mais extrema, precisam que todos se unam para lhes assegurar uma vida digna, melhor, sem tantos riscos. Essas pessoas precisam ser empoderadas. Só assim elas sairão da condição sub-humana a que são submetidas todos os dias. Essa é a mais significante contribuição que pode ser obtida por meio dos ODS.??

 

 

Qual a importância do envolvimento do governo e da sociedade nas iniciativas de alcance dos ODS?

 

 

Maxwell Haywood – Isso é muito significante, porque se você olhar à agenda 2030 da ONU, está bastante claro que os ODS serão implementados juntos aos povos, ao redor do mundo e este documento se refere diretamente ao envolvido de seus governantes e populações países para atingi-los. O governo e a pessoas precisam se apropriar desta agenda e desenvolver ações em nível nacional. Cada um em seu país. Agora, é importante destacar que os ODS serão avaliados em nível global pela ONU. Entretanto, para que isso ocorra, nós precisamos contar com o apoio dos países para que nos informem o progresso das iniciativas realizadas com vistas ao alcance dos ODS. Se não tivermos o forte envolvimento dos governantes e dos povos, os ODS não vão atingir sua função, que é, especialmente, a erradicação da pobreza no mundo.?

 

Qual a razão de a ONU ter escolhido as cooperativas como aliadas na luta contra a erradicação da pobreza?

 

 

 

Maxwell Haywood – A razão é simples: os princípios e os valores do cooperativismo estão intimamente alinhados aos ODS. E, em função, disso, para a ONU, as cooperativas são aliadas naturais nesta luta. Além disso, quando olhamos para os fatos como a contribuição das cooperativas ao redor do mundo, é muito difícil não vermos o resultado socioeconômico que resulta de suas ações. É impossível não levar isso em consideração. Como todos sabem, há uma crise financeira global que se arrasta a vários anos e muitos países têm sido afetados por essa situação. Muitos bancos, inclusive, têm sofrido com a crise. Entretanto, quando observamos os bancos cooperativos, eles estão crescendo, ganhando espeço entre as pessoas. E razão para que isto ocorra são os valores e os princípios do cooperativismo. Então, enquanto grandes bancos estão quebrando, as cooperativas de crédito estão ampliando seu número de cooperados. Além disso, gostaria de dizer que o cooperativismo é altamente admirado pela ONU. E, ainda, as cooperativas não precisam ter medo de mostrar sua contribuição. As cooperativas, sem dúvida, têm muito a contribuir para a erradicação da pobreza, reduzir as desigualdades entre os gêneros, proteger o meio ambiente. Se analisarmos com cuidado, veremos na prática que, se a contribuição das cooperativas, muitas pessoas não teriam educação, saúde, moradia, trabalho ou renda. O mundo está esperando para ver a força do cooperativismo! 

 

Na sua opinião, como as cooperativas podem ajudar a ONU a atingir as metas previstas nos ODS?

 

 

Maxwell Haywood – Gostaria de começar, primeiramente, falando que as cooperativas possuem milhões de cooperados ao redor do mundo. Então, se as cooperativas podem educar e informar essa imensa quantidade de membros, sobre os ODS, então isso será uma maciça contribuição. A segunda questão é que as cooperativas são capazes de advogar efetivamente junto a governos locais e organizações internacionais. Elas são capazes de defender fortemente a necessidade de se trabalhar com o foco de alcançar os ODS. Na minha opinião, as cooperativas apenas precisam encontrar seu lugar neste processo, para que sua voz seja ouvida fortemente por aqueles que precisam contribuir com esta missão de melhorar o mundo. Elas precisam deixar de ser tímidas e mostrar seu potencial. As cooperativas não imploram nada, pelo contrário, elas oferecem muito! 

 

 

Com base nas suas afirmações, você acredita que as cooperativas podem conduzir a humanidade a um mundo melhor?

 

Maxwell Haywood – Sim elas podem! Estou completamente convencido disso. E elas já estão fazendo isso! Um dos grandes exemplos disso, por exemplo, é a crise financeira. Enquanto grandes corporações financeiras estão ruindo as cooperativas de crédito se destacam, ampliam seu número de cooperados e, consequentemente, seu resultado. A crise financeira fez do mundo um lugar não tão bom para se estar. Enquanto isso, as cooperativas estão mostrando que, não importa a crise, elas são muito boas em ser fortes. Apenas cintando este exemplo, estou certo de que as cooperativas não só podem levar a humanidade para um lugar melhor como já estão fazendo isso.

 

Fonte: Sistema OCB